Estudo da USP mostra a importância de manter massa muscular para longevidade
18/07/2019
A importância da correção da postura do idoso
15/08/2019
Mostrar tudo

Conheça alguns benefícios dos jogos de memória para a terceira idade

Quando você pensa em jogos e atividades lúdicas, que tipo de pessoa vem à cabeça? Crianças e jovens, correto? Não mais, porque a terceira idade está cada vez mais ativa e interessada no assunto.

Ao longo de todos os anos de vida, o cérebro dos idosos vai acumulando os conhecimentos vividos e, naturalmente, eles perdem esse excesso de informações. Os jogos podem ser eficazes tanto em pessoas saudáveis quanto naqueles que adquiriram algum tipo de doença, como o Alzheimer. Algumas atividades simples, como palavras cruzadas, quebra-cabeças, entre outros, podem contribuir para a prevenção desta e de outras enfermidades.

Os jogos atuam como exercícios cerebrais e cognitivos eficientes, auxilia no funcionamento da memória, do trabalho neuronal e estimulando:

  • A inteligência, que é a capacidade perceptivo-motora do ser humano.
  • A atenção, a linguagem responsável pela fluência verbal, nomeação e compreensão.
  • A memória visual e espacial, o raciocínio e as funções de execução.

Como os jogos de memória podem ajudar a terceira idade?

O cérebro humano funciona como um músculo. Sendo assim, precisa ser exercitado para se manter estimulado a raciocinar, independentemente da idade. As barreiras que o corpo encontra na terceira idade favorecem o atrofiamento do músculo, então o segredo para mantê-lo funcionando é procurar formas de exercitá-lo.

Os jogos de memória são armas simples e muito poderosas que podem combater as dificuldades do idoso, porque estimulam a capacidade de raciocinar, de memorizar e guardar informações. Veja alguns jogos que ajudam a manter a memória dos idosos ativa.

Jogos dos 7 erros

Esse jogo é considerado um dos mais eficientes para estimular o cérebro dos idosos. É preciso ativar a capacidade de percepção e análise ao olhar duas imagens que parecem iguais, a fim de identificar os erros escondidos em pequenos detalhes. É possíveil imprimir desenhos disponíveis na internet ou procurar por versões eletrônicas.

Palavras cruzadas

As palavras cruzadas são jogos bem conhecidos entre os idosos. O que a maioria dos idosos não sabe é que esse hobby é mais benéfico para a memória do que eles imaginam, sendo ótimo por estimular o cérebro a procurar palavras que muitas vezes são desconhecidas.

Cartas e dominó

Os jogos de carta, assim como o dominó, exigem a criação de uma estratégia para vencer. Isso auxilia a concentração, o raciocínio e, consequentemente, a memória. Além dessas vantagens, esse tipo de jogo ainda promove o convívio social, já que para brincar é preciso de um grupo de pessoas.

Jogo da memória

Esse jogo pode ser jogado sozinho, mas fica muito mais divertido quando existe um parceiro para competir. O objetivo é procurar figuras iguais que ficam espalhadas e sempre ocupam o mesmo lugar na mesa. Ajudando o cérebro a gravar informações para que seja possível vencer o jogo, além de estimular a competitividade.

Nunca é tarde para aprender algo novo, interagir com outras pessoas e adquirir mais conhecimento!


A Casa da Vila Mariana é um Residencial para Idosos focado na qualidade de vida, cuidado e respeito ao idoso, fazendo com que ele(a), residente ou não, aproveite seu tempo da melhor forma. Em nossa rotina de atividades, nosso corpo clínico, composto por Psicólogos, Fisioterapeuras, Nutricionistas, dentre outras especializações, estão sempre atentos às principais novidades para que nossos idosos tenham sempre o melhor tratamento.


Venha nos visitar! Teremos o maior prazer em te apresentar nossa proposta de cuidado e melhoria da qualidade de vida do seu familiar idoso, quer seja para moradia, quer seja para ele somente passar o dia conosco, interagindo com outros idosos e realizando atividades diversas!

Abrir chat
💬 Precisa de ajuda?
Skip to content
This Website is committed to ensuring digital accessibility for people with disabilitiesWe are continually improving the user experience for everyone, and applying the relevant accessibility standards.
Conformance status